VOCÊ ESTÁ LENDO >> Alexandre, o Grande, do grupo Arezzo
POR Ana Paula Porto | 26 de abril

De pai pra filho. Foi assim que Alexandre Birman, nosso grande aqui, assumiu em 2013 a presidência da Arezzo, marca de varejo de sapatos femininos fundada por seu pai e tio, os irmãos Anderson e Jefferson lá na década de 70. Um patrimônio e tanto pra Alexandre que gosta de lembrar que foi “criado numa fábrica de calçados”, como ele mesmo diz em sua biografia no site da outra marca do grupo, que leva seu nome. Assim ele chega. Com bastão na mão pra dar continuidade ao legado deixado pela família e garantir o sucesso pra uma marca que já havia sido estabelecida no mercado.

O salto foi alto. E a passarela econômica – que mostrou tanta dificuldade pra lucrar com essa segurança toda ao fechar o ano de 2016 – veio pra aplaudir e abrir caminhos na trilha da rede de franquias. E tudo isso ultrapassando fronteiras, literalmente. Pois foi essa uma das principais transformações de Alexandre no comando da empresa: apostar no mercado externo e voar pelo mundo afora, sem deixar de perder seu espaço deslumbrante nas terras brasileiras.

Dentre as estratégias, o reforço do modelo assumido como “fast fashion” (rapidez nas coleções). Pra isso, em dois anos a Arezzo passou de 12 para 21 lançamentos ao ano. Além do controle de perto sobre os estoques de todos os franqueados e incentivar o sucesso também dos seus lojistas.  “Com isso, só abastecemos o que foi vendido e conseguimos aumentar o giro das coleções”, conta Birman com a ousadia que leva em entrevista à revista Época Negócios.

Outro grande passo foi expandir as marcas do grupo da Arezzo, que engloba a respeitada Schutz, AnaCapri, Alexandre Birman e Fiever. Hoje, estas marcas mais novas já representam quase metade do faturamento. E claro, o e-commerce de todas elas por aí. De acordo ainda com a revista Época Negócios, as vendas do online passaram de menos de 1% para 7% no final de 2016. Tudo isso sem deixar de estar consolidada no mercado nacional.

​E Alexandre tem ido longe. O começo disso foi abrir recentemente duas lojas da Schutz nos Estados Unidos, nas cidades americanas que sempre abraçam a moda: Nova York e Los Angeles, caindo na graça e calçando os pés das queridinhas de Beverly Hills e já dobrando as receitas (de 6% para 12% em três anos). Falando em pés bem calçados, as celebs que estiveram agora na festa de gala da amfAR (The Foundation for AIDS Research) contaram com a presença do CEO que levou sua marca homônima pra abrilhantar a noite e tinham Alexandre Birman em seus pés, muito bem confortáveis por sinal.



ESCRITO POR Ana Paula Porto

COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS

LEIA MAIS EM Business

1 de dezembro

Universo do luxo: notas e insights sobre o curso da ESPM

Patricia Diniz e Helena Nardy apresentam de forma didática as particularidades do setor

por Thais Possobom
15 de agosto

Quer estudar moda? As dicas do fundador do The Business of Fashion para os iniciantes

Insights para quem está começando na área

por Beatriz Mammana
21 de fevereiro

Betty Catroux, musa de Yves Saint Laurent, ganha exposição em Paris

Museu Yves Saint Laurent Paris inaugura exposição “Féminin Singulier” em homenagem a uma das musas do estilista,

por Guilherme de Beauharnais
5 de novembro

Cases de Luxo: como a Burberry e Gucci se conectaram com novos consumidores

Veja como as grifes de luxo se adaptaram para atender às transformações dos novos tempos e dos consumidores

por Rebeca Dias

ÚLTIMAS POSTAGENS

Arraste para o lado
6 de novembro

Negócios em foco: 7 Reflexões sobre o Mercado de Luxo com Carlos Ferreirinha

Em palestra no Iguatemi Talks, especialista do mercado de luxo traz insights do segmento para qualquer setor

por Brenda Luchese
5 de novembro

As estratégias da Jacquemus para se tornar “queridinha” no mercado de luxo

Entenda como a marca criada por Simon Jacquemus virou fenômeno e se tornou referência do conceito de novo luxo

por Rebeca Dias
5 de novembro

Cases de Luxo: como a Burberry e Gucci se conectaram com novos consumidores

Veja como as grifes de luxo se adaptaram para atender às transformações dos novos tempos e dos consumidores

por Rebeca Dias
5 de setembro

Fure a bolha: chegou a hora do streetwear brasileiro ganhar destaque global

A consolidação da moda de rua brasileira e como designers de marcas nacionais chegaram a showroom em Paris.

por Júlia Lyz
12 de maio

Copenhagen Fashion Week: conheça semana de moda internacional sustentável

Marcas do evento que visa promover a sustentabilidade precisam respeitar ao menos 18 critérios para inscrição

por Rebeca Dias
12 de maio

Onde está a moda inclusiva? Os desafios para encontrar roupas para o público PcD

Especialista sobre o assunta aponta o preconceito como principal fator para a falta de inclusão na moda

por Beatriz Neves
12 de maio

O QUE O SXSW 2023 E O ÚLTIMO PARIS FASHION WEEK TÊM EM COMUM?

Durante o maior evento de inovação do mundo, a inteligência artificial roubou a cena e nos faz refletir o papel da moda

por Giovanna Schiavon
12 de maio

8 Perfis do Tiktok para Acompanhar e Aprender Sobre o Mercado de Moda

Muito além do look do dia e de dancinhas, o Tiktok permite a democratização e acessibilidade aos conteúdos sobre moda

por Ana Flávia Gimenez